Day Answer

Faraó é um título que foi dado aos reis do antigo Egito. Esses governantes eram considerados como deuses vivos e possuíam um poder absoluto sobre o povo egípcio. Na bíblia, o termo Faraó é mencionado diversas vezes, principalmente no Antigo Testamento. Mas quem foram esses Faraós e qual foi o papel deles na história da bíblia? Vamos explorar mais sobre esse tema a seguir.

O que este artigo aborda:

Quem foi Faraó na bíblia

Quem foi Faraó na bíblia

Pin It

O início do título de Faraó

O título de Faraó surgiu durante o período conhecido como Império Antigo, por volta de 2686 a.C. O primeiro governante a receber esse título foi o rei Narmer, que unificou o Alto e o Baixo Egito. A palavra Faraó tem origem no termo egípcio “per-a’a”, que significa “grande casa” e era utilizado para designar o palácio real. Com o tempo, esse termo passou a ser utilizado para se referir ao próprio governante, que era considerado como um deus na terra.

Faraó na bíblia

Na bíblia, o termo Faraó é mencionado pela primeira vez no livro de Gênesis, quando José é vendido como escravo para o Egito e é comprado por Potifar, o capitão da guarda de Faraó. Mais adiante, no livro de Êxodo, é relatado o período em que os hebreus estavam sendo escravizados pelo Faraó do Egito. Segundo a bíblia, esse Faraó era Ramsés II, que governou entre 1279 e 1213 a.C. e é considerado um dos maiores e mais poderosos Faraós da história.



A história de Moisés também está diretamente ligada ao Faraó. Segundo a bíblia, Moisés foi criado no palácio do Faraó, mas quando descobriu que era de origem hebraica, fugiu para o deserto. Anos depois, Moisés retornou ao Egito e enfrentou o Faraó, exigindo que ele libertasse os hebreus da escravidão. Após diversas pragas enviadas por Deus, o Faraó finalmente deu permissão para que os hebreus partissem em busca da Terra Prometida.

O papel de Faraó na bíblia

Além de ser mencionado em diversas passagens bíblicas, Faraó também teve um papel importante na história do povo hebreu. A libertação dos hebreus da escravidão no Egito é considerada um dos principais eventos do Antigo Testamento e é lembrada até hoje na Páscoa judaica.



Além disso, o Faraó também representava o poder e a soberania do Egito, que era considerado uma grande potência na época. Ao libertar os hebreus, Deus mostrou seu poder sobre o Faraó e sobre o Egito, provando que Ele era o verdadeiro Deus e que não havia nenhum outro deus acima dEle.

Conclusão

Em resumo, Faraó foi um título dado aos reis do antigo Egito, que eram considerados deuses vivos e possuíam um poder absoluto sobre o povo. Na bíblia, o termo Faraó é mencionado diversas vezes, principalmente no Antigo Testamento, e teve um papel importante na história do povo hebreu. A libertação dos hebreus da escravidão no Egito é um evento marcante na bíblia e mostra o poder de Deus sobre todas as coisas.



Esperamos que esse artigo tenha esclarecido suas dúvidas sobre quem foi Faraó na bíblia. Se você quiser saber mais sobre esse tema, não deixe de ler as passagens bíblicas citadas e explorar mais sobre a história do antigo Egito e dos Faraós.



Artigos relacionados:

Este artigo foi útil?

Agradeçemos o seu feedback.

Redação Day Answer

Contamos com uma equipe dedicada para trazer as melhores respostas para você.

whatsapp sharing button
facebook sharing button
pinterest sharing button
twitter sharing button
sharethis sharing button

Pode ser do seu interesse