Day Answer

Um microchip é aquela peça de plástico que tem como intuito converter energia elétrica em informações.

Ele realiza essa função através de pequenos dispositivos semicondutores e outros elementos que ficam na parte metálica.

Pensa na trabalheira que dá armazenar tudo o que é dado no seu dispositivo em um espaço minúsculo?

Veja a seguir neste post do Day Answer quando surgiu o chip de celular no Brasil.

O que este artigo aborda:

Quando surgiu o chip de celular no Brasil?
Quando surgiu o chip de celular no Brasil?
Pin It

Como surgiu o microchip?

O microchip transformou indiscutivelmente as direções da história do mundo e não é exagerado falar isso. Sua origem, embora seja muito curiosa, não é algo muito conhecido.

Após o fim da Segunda Guerra Mundial, o exército americano lançou o Eniac, o primeiro computador digital, cuja intenção era calcular o percurso de mísseis.

Parecia promissor e, na realidade, era – se não fossem suas pequenas 30 toneladas e milhares de válvulas eletrônicas.

É neste momento que, em 1971, uma pequena empresa chamada Intel entra em cena, lançando o microprocessador: um chip de circuitos transistores bem pequeno, muito rápido quando comparado às tecnologias anteriores e revolucionárias.

E quando o chip foi parar nos telefones móveis?

Em 1973 surgiu o telefone móvel e na mesma época foi inventado também o microchip, quando foi feita a primeira chamada de um protótipo de dispositivo para um telefone fixo.

Na década posterior, os primeiros celulares começaram a ser vendidos – não eram precisamente portáteis pois foram feitos para serem instalados em carros e pesavam mais de 1kg.

No princípio dos anos 90, os fabricantes já estavam preparados para apresentar novos modelos, com tamanhos mais adequados para cumprir a proposta de mobilidade.

Essa segunda remessa de lançamentos realizou uma inovação em padrões e design, além de oferecerem as principais tecnologias que iriam pautar o mercado: GSM, CDMA E TDMA.

Neste contexto, existe outra sigla que você possivelmente conhece que se tornou muito comum. O SIM (módulo de identificação do assinante), aquele modelo de cartão inteligente usado para reconhecer, controlar e armazenar dados de dispositivos móveis de tecnologia GSM.

Neste momento, o microchip cresceu em funcionalidades, versões, tipos de componentes, desempenho, utilizações e processos de manufatura, mas a todo o momento buscou encolher em tamanho e custo.

Para dar uma proporção dessa evolução, há o eSIM, um microchip que é colocado diretamente no hardware, dentro do próprio celular – sendo assim não se torna preciso colocar no compartimento.

Seu funcionamento é parecido ao da tecnologia dos pagamentos sem contato (é necessário que ele seja suportado pela rede e apto pela operadora, apenas).

E para viajar conectado?

Se você pretende viajar para fora do Brasil e deseja utilizar o celular enquanto estiver fora, seja para umas férias ou para negócios, é necessário pensar em ativar essa funcionalidade.

As operadoras brasileiras oferecem o roaming internacional, um serviço que possibilita que usuários sigam usando seus celulares com microchips adquiridos no Brasil para fazer e receber ligações, ter acesso a internet e apps enquanto está dentro de outro país.

A ideia é mais ou menos essa: o roaming faz a extensão da cobertura doméstica e a conecta à rede da empresa que desempenha no destino.

É simples mas sai caro e o inesperado pode vir no boleto do próximo mês.

Uma saída para ficar conectado e não gastar muito na conta de celular é o chip internacional, que, normalmente, funciona através de planos pré-pagos com possibilidade de realizar ligações e ter acesso de dados móveis para ter internet.

Qual país faz maior uso do celular?

A maior proporção de dispositivos móveis para quantidade de habitantes, de acordo com os dados, está nos EUA, em que 86% da população (ou 270 milhões de usuários) têm acesso a esses dispositivos.

Qual a operadora mais antiga do Brasil?

A operadora Vivo foi inaugurada em 2003 e participa do Grupo Telefônica. Além de ser uma das operadoras mais antigas, ela também se encontra no topo da lista de operadores de telefonia no Brasil. 

Por fim, se você quiser saber mais da história de quando surgiu o chip de celular no Brasil, veja o vídeo do canal Olhar Digital.

Artigos relacionados:

Este artigo foi útil?

Agradeçemos o seu feedback.

Diego Augusto

Formado em Sistemas de Informação na Faculdade Pitágoras. Apaixonado por tecnologia e sempre antenado as novidades. Trabalho no mercado a mais de 10 anos como desenvolvedor Web. Sou especialista em desenvolvimento de sistemas e sites em arquitetura serverless.

whatsapp sharing button
facebook sharing button
pinterest sharing button
twitter sharing button
sharethis sharing button

Pode ser do seu interesse