Day Answer

A bíblia é um livro sagrado que conta a história de diversas pessoas que tiveram um papel importante na história da humanidade e na fé cristã. Dentre essas pessoas, encontramos o rei Josias, que é mencionado em várias passagens do Antigo Testamento. Mas quem foi Josias na bíblia? Qual foi a sua importância e legado para o povo de Israel? Neste artigo, vamos explorar a vida e o reinado de Josias, destacando os principais aspectos de sua história e sua relevância para a fé cristã.

O que este artigo aborda:

Quem foi Josias na bíblia?

Quem foi Josias na bíblia?

Pin It

Introdução

Josias foi o décimo sexto rei de Judá e governou durante um período crucial da história do povo de Israel, entre os anos 640 e 609 a.C. Ele sucedeu seu pai, o rei Amom, que foi assassinado por seus próprios servos. Com apenas oito anos de idade, Josias se tornou rei e governou por mais de três décadas. Durante seu reinado, Josias promoveu reformas religiosas e políticas que tiveram um impacto significativo no povo de Israel.

Infância e ascensão ao trono

Como mencionado anteriormente, Josias se tornou rei muito jovem, com apenas oito anos de idade. Seu pai, Amom, havia sido um rei ímpio que adorava outros deuses e desrespeitava as leis de Deus. No entanto, Josias foi criado por sua mãe, Jedida, que era uma mulher piedosa e temente a Deus. Ela teve uma grande influência na vida de Josias, ensinando-o a seguir os caminhos do Senhor e a respeitar as leis divinas.



Quando Josias completou 16 anos, ele começou a buscar a Deus e a se dedicar à sua fé. Aos 20 anos, ele iniciou uma grande reforma religiosa em Judá, que incluiu a destruição de todos os ídolos e altares pagãos e a restauração do templo de Jerusalém. Ele também ordenou que os sacerdotes ensinassem a lei de Deus ao povo e trouxe de volta as celebrações religiosas que haviam sido abandonadas.

Reformas e descoberta do livro da lei

Durante as reformas religiosas de Josias, o sumo sacerdote Hilquias encontrou um livro da lei no templo de Jerusalém. Esse livro, que acredita-se ser o livro de Deuteronômio, continha as leis e os mandamentos de Deus que haviam sido esquecidos pelo povo de Israel. Ao ouvir as palavras do livro, Josias ficou profundamente perturbado e reconheceu que seu povo havia se afastado de Deus e de seus mandamentos.



Com isso, Josias decidiu seguir fielmente as leis e os mandamentos de Deus e promoveu mudanças significativas em Judá. Ele destruiu todos os ídolos e altares pagãos em todo o reino e renovou o pacto com Deus. Além disso, ele ordenou que o povo celebrasse a Páscoa, que havia sido esquecida durante muitos anos. Essa celebração foi um momento de grande renovação da fé e do compromisso com Deus.

Morte e legado

Infelizmente, apesar de todas as reformas e esforços de Josias, o povo de Israel não permaneceu fiel a Deus após sua morte. Ele foi morto em uma batalha contra o faraó Neco, do Egito, que estava indo para lutar contra o Império Babilônico. Mesmo assim, Josias deixou um legado duradouro para o povo de Israel. Sua dedicação a Deus e suas reformas religiosas tiveram um impacto significativo na história do povo de Deus e influenciaram outros reis que vieram depois dele.



Conclusão

Em resumo, Josias foi um rei temente a Deus que promoveu reformas religiosas e políticas em Judá. Ele foi um exemplo de fé e compromisso com Deus, mesmo diante das adversidades. Sua história é um lembrete da importância de buscar a Deus e de seguir seus mandamentos, mesmo em meio às dificuldades. Que possamos aprender com o exemplo de Josias e nos esforçarmos para sermos fiéis a Deus em todas as áreas de nossas vidas.



Artigos relacionados:

Este artigo foi útil?

Agradeçemos o seu feedback.

Redação Day Answer

Contamos com uma equipe dedicada para trazer as melhores respostas para você.

whatsapp sharing button
facebook sharing button
pinterest sharing button
twitter sharing button
sharethis sharing button

Pode ser do seu interesse