Day Answer

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) é, sem dúvida, um dos momentos mais cruciais na vida acadêmica de milhares de estudantes brasileiros. A cada ano, o exame se reinventa, trazendo temas contemporâneos e relevantes que refletem as discussões sociais, políticas e culturais do momento. 

Em 2023, o cenário não é diferente. Com o mundo ainda se adaptando às consequências da pandemia e enfrentando desafios emergentes em diversas áreas, os possíveis temas da redação do Enem prometem ser tão instigantes quanto complexos. 

Desde as implicações sociais da crise de saúde global até a urgência de abordar questões como abuso infantil, democracia digital e reconstrução econômica, os estudantes terão a oportunidade de explorar tópicos que moldam o nosso presente e influenciarão o nosso futuro. 

Além disso, questões como nutrição consciente, igualdade de gênero na ciência e tecnologia e a importância da imunização na sociedade ressaltam a necessidade de uma abordagem holística e informada. Esta lista de 17 assuntos potenciais para a redação do Enem 2023 é um convite à reflexão, ao debate e à construção de argumentos sólidos e bem fundamentados.

O que este artigo aborda:

Redação: 17 assuntos do Enem que você precisa saber
Redação: 17 assuntos do Enem que você precisa saber
Pin It

Foto: Pexels

A Importância da Redação no Enem

A redação sempre ocupou um lugar de destaque no Enem, e em 2023, sua relevância é ainda mais acentuada. Em um mundo em constante transformação, a capacidade de expressar ideias, argumentar e propor soluções torna-se uma habilidade indispensável. 

A redação não é apenas uma avaliação de escrita; é uma janela para a mente do estudante, revelando sua capacidade de compreender, analisar e se posicionar diante de questões complexas.

O Enem, ao longo dos anos, tem se caracterizado por trazer à tona temas que refletem as preocupações e desafios da sociedade brasileira. Em 2023, com a lista de possíveis tópicos abordando desde consequências da pandemia até desigualdades regionais, fica evidente o compromisso do exame em fomentar o pensamento crítico e a consciência social dos candidatos.

Além disso, a redação é um componente decisivo na nota final do exame. Uma boa performance nesta seção pode ser o diferencial para a aprovação em universidades e programas de bolsas de estudo. No entanto, mais do que uma pontuação, a redação representa a voz do estudante, sua capacidade de dialogar com o mundo e contribuir para a construção de uma sociedade mais justa e informada.

O Enem 2023, ao propor temas tão atuais e relevantes, reforça a ideia de que a educação vai além das salas de aula. Ela se entrelaça com a realidade, com os desafios do cotidiano e com as aspirações de um país. Portanto, preparar-se para a redação não é apenas dominar a gramática ou a estrutura textual, mas também estar sintonizado com o mundo, ser curioso e, acima de tudo, estar disposto a aprender e crescer.

Redação: 17 assuntos do Enem

A seguir você confere uma lista com 17 possíveis temas que podem cair no ENEM 2023. Antes de conferir a lista, é importante frisar que nosso papel aqui é trazer ao seu conhecimento temas que talvez não estivessem no seu radar, porém não fique preso a estes temas, entenda-os como inspiração, e siga lendo o máximo possível, agregando informações que te ajudarão em muito na hora de se expressar.

  1. Consequências sociais da pandemia: Como a sociedade mudou após enfrentar um cenário global de crise de saúde.
  1. Abuso infantil e a necessidade de proteção: A urgência de medidas preventivas e de apoio às vítimas.
  1. Democracia digital e a era da informação: Como as redes sociais e a tecnologia influenciam a participação cidadã.
  1. Reconstrução econômica e inovação: Estratégias para impulsionar a economia no cenário pós-pandêmico.
  1. O papel transformador da educação: Desafios e oportunidades na formação de cidadãos críticos e ativos.
  1. Nutrição consciente e saúde pública: A importância da educação nutricional em um Brasil diverso.
  1. Mulheres na ciência e tecnologia: Combatendo estereótipos e promovendo a igualdade de gênero.
  1. Turismo responsável e preservação cultural: Como viajar pode beneficiar comunidades locais sem prejudicar o patrimônio.
  1. A importância da imunização na sociedade: Combatendo a desinformação e promovendo a saúde coletiva.
  1. Desafios da mobilidade urbana: A busca por cidades mais sustentáveis e acessíveis.
  1. A era do consumo consciente: A responsabilidade socioambiental nas escolhas de consumo.
  1. Diversidade e inclusão no ambiente de trabalho: A importância da representatividade e equidade.
  1. Mudanças climáticas e a juventude ativista: O papel dos jovens na luta por um planeta mais sustentável.
  1. A ascensão da cultura digital: Impactos e desafios da vida online na formação de identidades.
  1. Desigualdades regionais no Brasil: Como enfrentar as disparidades entre as diferentes regiões do país.
  1. A reinvenção da arte em tempos de crise: A influência da pandemia nas expressões artísticas contemporâneas.
  1. Ética e tecnologia: Os dilemas morais da inteligência artificial e da biotecnologia.

Usando mapas mentais para não errar na redação

Mapas mentais são ferramentas visuais que ajudam a organizar e conectar ideias de maneira eficaz. No contexto da redação, eles são altamente recomendados por algumas razões:

  • Clareza de Pensamento: Visualizar suas ideias permite identificar e descartar pontos que podem ser redundantes ou não tão relevantes, assegurando que cada argumento seja bem direcionado.
  • Conexão de Ideias: Com mapas mentais, é mais fácil ver as relações entre diferentes conceitos, o que ajuda na transição entre parágrafos e reforça a coesão do texto.
  • Memorização: Criar um mapa mental também ajuda a fixar o conteúdo na memória, tornando mais fácil lembrar de pontos importantes enquanto escreve.

Se você está começando a se aventurar neste mundo, saiba que não há problema algum em buscar inspiração em modelos já prontos de mapa mental. Isso pode te dar novas ideias e mostrar diferentes abordagens para um tema.

E, se você ainda está se familiarizando com essa técnica, adaptar um mapa mental já existente pode ser um excelente começo. Afinal, o objetivo é ter suas ideias bem organizadas para arrasar na redação.

Em suma, ao se preparar para a redação, pense em usar um mapa mental. Ele pode ser um grande aliado, não só para estruturar seu texto, mas também para aprofundar seu entendimento sobre o assunto, resultando em uma argumentação mais robusta e coesa.

Conclusão

Ao nos depararmos com a vastidão de temas propostos para a redação do Enem 2023, é inevitável sentir uma mistura de entusiasmo e apreensão. No entanto, é crucial entender que esta lista, por mais abrangente que seja, é apenas um ponto de partida. 

O verdadeiro valor reside na capacidade de cada estudante de ir além, de conectar pontos aparentemente distintos e de encontrar relevância em assuntos que, à primeira vista, podem parecer distantes de sua realidade.

A redação do Enem não busca apenas avaliar a capacidade de escrita ou a aderência a um tema específico. Ela procura identificar pensadores críticos, indivíduos que conseguem enxergar além do óbvio e que têm a habilidade de se adaptar a cenários imprevisíveis. Em um mundo onde a informação é abundante, a capacidade de discernimento, de filtrar o essencial do supérfluo, torna-se uma habilidade inestimável.

Portanto, enquanto se inspira nestes 17 temas, permita-se também ser influenciado por conversas cotidianas, por histórias não contadas nos grandes veículos de comunicação, por experiências pessoais que moldaram sua visão de mundo. Cada interação, cada leitura, cada reflexão contribui para a formação de um repertório único, que será seu maior aliado no dia da prova.

Em última análise, a redação do Enem é uma oportunidade de mostrar sua voz, sua perspectiva e sua capacidade de compreender e interagir com o mundo ao seu redor. Portanto, enquanto se prepara, lembre-se de que a verdadeira maestria não está em memorizar tópicos, mas em desenvolver uma mentalidade aberta, curiosa e reflexiva. Ao fazer isso, não apenas estará se preparando para o Enem, mas também cultivando habilidades que serão valiosas em qualquer jornada que escolher seguir.

E, no final das contas, é essa capacidade de evoluir, aprender e adaptar-se que define o verdadeiro sucesso.

Por fim, se você quiser saber mais sobre os assuntos do Enem, veja o vídeo do canal da Liliane Freitas.

Este artigo foi útil?

Agradeçemos o seu feedback.

Redação Day Answer

Contamos com uma equipe dedicada para trazer as melhores respostas para você.

1

Pode ser do seu interesse